Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Negócios > Comercialização e Mercados
Início do conteúdo da página

Comercialização e Mercados

A área de atuação de Comercialização e Mercados do NIT Mantiqueira é bem ampla, porém não se limita apenas no mapeamento e na prospecção tecnológica nas instituições nucleadoras. Também atua na disseminação e oferta do portfólio dos ativos intelectuais da rede e projetos diretamente ligados a P, D&I (Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação) para agentes externos, visando a interface entre a demanda e oferta de inovação e no fundamental que é no estímulo à comercialização das criações e inovações geradas.

Seguem abaixo as principais atividades desempenhadas pelo NIT Mantiqueira relacionadas à Comercialização e Mercados:

- Diagnóstico a Tecnologia: Neste primeiro momento são realizadas visitas nos laboratórios para conscientização e conhecimento de assuntos relacionados à propriedade intelectual, transferência de tecnologia e inovação, e juntamente levantar as tecnologias e projetos que podem ser objeto de oferta para empresas ou parcerias;

- Prospecção: Através de um processo da busca, é realizada tanto de empresas em relação a uma necessidade tecnológica quanto de pesquisadores junto aos possíveis interessados em seus conhecimentos. Se necessário, é feita uma análise sócio-econômica para verificar a existência de competências pelas áreas demandadas;

- Qualificação: Após ser selecionada(s) a(s) tecnologia(s) ou empresa(s) com potencial para a transferência, são feitas análises para confirmar a adequação técnica e a viabilidade econômica da implantação da solução tecnológica;

- Negociação: Momento no qual são estipulados e definidos os valores do investimento e intra-estrutura necessários, royalties, assim como prazos e a forma de comprometimento das partes envolvidas na transferência de tecnologia ou parceria;

- Licenciamento: É a efetivação da transferência de tecnologia. Geralmente, nesse período são feitos os ajustes finais, tanto do que será necessário para a tecnologia chegar ao mercado como os detalhes burocráticos da formalização do instrumento jurídico.

Por fim, o investimento em Ciência, Tecnologia e Inovação, as recentes mudanças no marco regulatório do Brasil trazendo incentivos fiscais como Lei de Inovação, Lei do Bem e Lei de Incentivos Fiscais, prêmios para projetos fomentados pelo Governo e pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação - MCTI, os investimentos por empresas de capital de risco e a conscientização e investimentos em inovação por parte do setor produtivo trazem um cenário favorável ao país, e o NIT Mantiqueira, dentro de suas competências, enfatiza a importância de se estimular programas de cooperação visando a sinergia entres os setores público e privado, com foco nas empresas.

registrado em:
Fim do conteúdo da página