Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > INPE e Marinha unem esforços e aprimoram serviços meteorológicos
Início do conteúdo da página

INPE e Marinha unem esforços e aprimoram serviços meteorológicos

Publicado: Quinta, 13 de Setembro de 2018, 10h42 | Última atualização em Terça, 23 de Abril de 2019, 09h58

Um protocolo de intenções entre o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e a Marinha do Brasil irá facilitar o intercâmbio de dados e a melhoria de produtos e serviços meteorológicos.

O documento foi assinado no dia 9 de agosto durante a visita do vice-almirante Antonio Fernando Garcez Faria, diretor de Hidrografia e Navegação (DHN) da Marinha, ao Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) do INPE, em Cachoeira Paulista (SP).

"A vinda da comitiva da Marinha é um marco, que representa a valorização e o avanço em nossas atividades", declara Antonio Divino Moura, coordenador do CPTEC/INPE, que apresentou as instalações e os principais projetos do Centro ao diretor da DHN. "Estamos abrindo perspectivas de pesquisa conjunta em meteorologia marinha".

A assinatura do protocolo com a Marinha formaliza e, também, reforça os laços entre as instituições. "O INPE mantém relacionamento com todos os órgãos da meteorologia nacional desde o início da operação do CPTEC, na década de 1990. Este é um momento em que é fundamental a união de esforços. Com a Marinha, podemos juntos buscar recursos para a realização das demandas da meteorologia nacional", ressalta Moura.

O coordenador do CPTEC/INPE destaca a importância da parceria com a Marinha, responsável por uma área maior do que a de todo o território nacional. "A atuação da DNH abrange atividades de proteção, navegação e exploração de petróleo, além de estudos oceanográficos. O intercâmbio de dados irá melhorar as previsões de tempo e clima, o monitoramento das condições ambientais da costa brasileira e ainda permitir a criação de novos projetos e pesquisas de interesse de ambas as instituições".

Fonte: http://www.inpe.br/noticias/noticia.php?Cod_Noticia=4881

registrado em:
Fim do conteúdo da página