Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Notícias > Institutos de Pesquisa se reúnem com MCTIC para debater ações para os próximos anos
Início do conteúdo da página

Institutos de Pesquisa se reúnem com MCTIC para debater ações para os próximos anos

Publicado: Segunda, 28 de Janeiro de 2019, 11h56 | Última atualização em Terça, 23 de Abril de 2019, 09h58

Na última quinta-feira (24), diretores de 16 unidades de pesquisa e seis organizações sociais se reuniram com integrantes da nova gestão do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) para falar sobre algumas medidas necessárias para a continuidade dos trabalhos e ampliação de projetos e investimentos.

 

Três medidas foram apresentadas como urgentes, são elas: i) compor o quadro científico, tecnológico e administrativo dos institutos, que têm perdido recursos humanos por aposentadoria e falta de abertura de concursos para preenchimento de vagas; ii) manutenção das bolsas na modalidade PCI (Programa de Capacitação Institucional), que permitem a contratação de pesquisadores e tecnologistas para projetos de pesquisa, desenvolvimento tecnológico e inovação; iii) fim do contingenciamento de verbas, o que traz instabilidade e incerteza ao planejamento e à execução das atividades-fim dos institutos de pesquisa.

Para o presidente da Abipti, Luiz Fernando Vianna, as instituições têm papel fundamental no país, mas são necessárias ações para ampliar sua atuação.

“Os ICTs têm papel fundamental no desenvolvimento do nosso país, pois através deles trabalhamos com pesquisa aplicada, o que, além de gerar conhecimento, pode criar produtos e serviços inovadores. Precisamos de mais pesquisadores trabalhando fora das universidades e, cabe aos ICTs estruturarem parcerias com as universidades para trabalharmos de maneira colaborativa”, comentou o presidente da Abipti.

Durante a reunião, que contou com a presença do ministro, Marcos Cesar Pontes, e do secretário-executivo do MCTIC, Julio Francisco Semeghini Neto, bem como secretários, diretores e assessores, cada um dos diretores dos institutos falou sobre a sua instituição.

Parceria

O ministro defendeu um esforço conjunto para ampliar as ações de popularização da ciência para apresentar à sociedade como a pesquisa, a tecnologia e a inovação podem impactar a vida das pessoas e como elas podem ser ferramentas para a geração de riquezas para o país e para a melhoria da qualidade de vida da população. Pontes pediu o engajamento de todas as unidades de pesquisa e organizações sociais.

“É importante estabelecer o diálogo constante com todas as unidades de pesquisa e organizações sociais que trabalham diariamente para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia no país. Foi excelente conhecer e entender as capacidades e necessidades de cada um. Isso é essencial para uma gestão mais eficiente e produtiva,” ressaltou o ministro Marcos Pontes.

Por fim, foi proposto à nova diretoria do MCTIC a formação de um grupo de trabalho para analisar e definir os desafios científicos e tecnológicos que essas instituições devem enfrentar. A ideia é que, até 2022 ‒ quando o Brasil comemorará os 200 anos de sua independência ‒, as unidades de pesquisa estejam com suas estruturas adequadas para cumprir essas tarefas.

Com informações do MCTIC e CBPF)

Fonte: http://portal.abipti.org.br/institutos-de-pesquisa-se-reunem-com-mctic-para-debater-acoes-para-os-proximos-anos/?utm_campaign=newsletter_informativo_-_122&utm_medium=email&utm_source=RD+Station

registrado em:
Assunto(s): MCTIC , ICTs
Fim do conteúdo da página